9 coisas que você DEVE fazer para proteger seu banco móvel e on-line

9 dicas essenciais para segurança bancária móvel e online


Com mais de 190 milhões de americanos comprando on-line e 51% dos adultos americanos realizando serviços bancários on-line, é seguro dizer que há uma grande necessidade de garantir as transações on-line. Existem muitos golpes por aí, então é melhor tomar cuidado. Siga nossos conselhos e reforçará sua segurança bancária móvel e online!

1. Proteja seu dispositivo

Sempre use um anti-malware no seu computador ou smartphone para manter os invasores afastados. Atualize-o com frequência, verifique a versão mais recente do seu navegador e obtenha todas as atualizações de segurança do seu sistema operacional.

2. Proteja sua conexão

Este é fundamental, pois sem uma conexão segura, todos os seus dados podem ser interceptados. Antes de tudo, verifique se o banco ou a loja online usa SSL (Secure Sockets Layer) que criptografa a conexão. Para descobrir se um site é seguro, consulte o URL – se ele começa com https: // é seguro, se é simplesmente http: // não está criptografado. Certifique-se de proteger sua conexão em pontos de acesso públicos, pois você é muito vulnerável a eles. Continue lendo e descubra a melhor maneira de criptografar sua conexão para obter o máximo de segurança!

3. Cuidado com phishing, especialmente em e-mails

Cuidado ao fornecer informações confidenciais pela Internet. Não há motivo para que seu banco envie um e-mail a você e solicite detalhes confidenciais. Se um remetente não confiável solicitar detalhes de pagamento ou informações de conta bancária, basta enviá-lo diretamente para a pasta de spam e esquecê-lo. Existem muitas maneiras sorrateiras com que esses ladrões de identidade tentarão induzi-lo a dar acesso total às suas contas bancárias. Não abra e-mails de fontes não confiáveis, especialmente quando eles alegam ser um banco, um advogado ou um parente distante que deseja doar dinheiro.

4. Proteja suas senhas

Atualmente, a maioria dos bancos usa autenticação de dois fatores, o que significa que você receberá um código enviado para seu telefone celular ou algum tipo de dongle – isso varia de banco para banco. Certifique-se de usar a autenticação de dois fatores, ela oferece uma camada extra de segurança. Se um site que afirma ser um banco solicitar seus detalhes de uma só vez, você deve ser cauteloso. Leia mais sobre como escolher boas senhas aqui.

5. Analise seus extratos bancários com frequência

Mantenha-se atualizado com seus gastos semanais, principalmente sobre o que, onde e quando gastou. Dessa forma, você pode identificar facilmente compras fraudulentas e bloquear seu cartão imediatamente.

6. Apague todos os traços

Nunca envie suas credenciais de login por e-mail ou SMS e não deixe senhas por aí. Ao usar o computador de outra pessoa ou público, nunca faça com que o navegador lembre seu nome de usuário ou senha. Saia de qualquer site e apague os cookies, o cache e o histórico de rastreamento do navegador ao fechar. Eu já vi isso em cibercafés muitas vezes que o usuário antes de mim esqueceu de sair do e-mail – imagine o que uma pessoa desonesta poderia fazer com todos os detalhes!

7. Proteja seu celular também

Com 35% dos adultos americanos realizando transações bancárias on-line no celular, é óbvio que os dispositivos portáteis também precisam de segurança. Proteja também o seu telefone celular se você o estiver usando para serviços bancários ou para comprar coisas com ele. Faça com que ela bloqueie e proteja automaticamente a tela com senha após um curto período de inatividade. Ative o “Find My Phone” da Apple se você estiver usando um iPhone ou o “Device Manager” do Google se estiver usando o Android. Dessa forma, você pode localizar seu telefone se o perder ou excluir remotamente todos os dados confidenciais para que não caiam nas mãos erradas.

8. Configurar notificações da conta bancária

Alguns bancos se oferecem para enviar notificações gratuitas em tempo real sobre qualquer ação realizada em sua conta bancária, por email ou SMS. É um ótimo recurso, especialmente se você estiver viajando, para poder acompanhar todas as despesas e garantir em tempo real que ninguém está cobrando uma taxa extra..

9. Impedir bloqueios bancários

Antes de viajar, é um bom hábito ligar para o banco ou a empresa do cartão de crédito para informá-los de onde você irá. Isso os ajuda na prevenção de fraudes e você não acaba no exterior com um cartão bloqueado. Se você estiver tentando fazer login no seu banco do exterior, eles poderão procurar seu endereço IP e, com um estrangeiro, uma bandeira vermelha será exibida. Certifique-se de trazer a ferramenta que protege seu banco e permite acessá-lo de qualquer lugar do mundo …

Protegendo seu banco móvel e online

O SaferVPN criptografará sua conexão, tanto em PCs quanto em dispositivos móveis. Ninguém pode interceptar e descriptografar suas informações, pois fornecemos criptografia em nível de banco para todos os seus dados de entrada e saída. Segundo, ao ter o endereço IP do seu país de origem, você não levantará nenhuma bandeira para o departamento de fraude do seu banco, evitando o risco de bloqueá-lo quando estiver no exterior. Em conclusão, uma VPN permite que você acesse com segurança seu banco online, pague suas contas com segurança e evite bloquear seus cartões de crédito durante a viagem. Experimente o SaferVPN gratuitamente hoje mesmo!

Banco em segurança!

Kim Martin Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.
follow me
    Like this post? Please share to your friends:
    Adblock
    detector
    map